Publicidade

ADCC 2022: sete lutadores garantem vaga para o torneio após segunda e última seletiva brasileira

Realizada no último sábado (12), segunda e última seletiva brasileira para o ADCC 2022 define mais atletas garantidos para o torneio, que acontece em setembro, em Las Vegas (EUA)

Marcado para acontecer nos dias 17 e 18 de setembro, em Las Vegas (EUA), o ADCC 2022 já tem definidos os lutadores que vão disputar a competição através das vagas obtidas nas seletivas brasileiras. Após a realização da primeira qualificatória em Balneário Camboriú, no último sábado (12), foi realizada a segunda e última seletiva, desta vez em São Paulo.

Sendo assim, sete categorias de peso estiveram em disputa ao longo do dia no Clube Sírio, e consequentemente, sete atletas garantiram vaga para disputar o ADCC 2022. Vale ressaltar que alguns nomes que não conseguiram vaga direta em Balneário Camboriú entraram em ação novamente na seletiva de São Paulo e confirmaram a tão sonhada vaga no maior torneio de luta agarrada do mundo.

Nas finais masculinas, representando a equipe Fight Sports na categoria até 66kg, Fabricio Andrey teve grande desempenho e derrotou Kauã Gabriel, confirmando vaga para disputar seu primeiro ADCC. Na divisão até 77kg, quem também vai fazer seu primeiro ADCC é Roberto Jimenez (Studio 76), que na grande decisão, levou a melhor sobre Fabio Caloi (Alliance).

Na categoria 88kg, Alexandre Jesus (Esporte Dez), o “Robinho”, levou a melhor sobre Rafael Paganini (Dream Art) e também garantiu vaga, assim como Henrique Ceconi (Kmkz Jiu-Jitsu), que após “bater na trave” em Balneário Camboríu, carimbou seu passaporte para o ADCC na divisão até 99kg após superar Luccas Lira (Fight Sports). Acima de 99kg, representando a GFTeam, Gutemberg Pereira também confirmou seu nome no renomado torneio ao vencer Leonardo Lemos (FP Team) na grande final.

Henrique Ceconi foi o campeão da seletiva na divisão até 99kg e carimbou sua vaga para o ADCC 2022
Henrique Ceconi foi campeão da seletiva na divisão até 99kg e carimbou sua vaga para o ADCC 2022 (Foto: Dai Bueno/TATAME)

Entre as mulheres, duas delas garantiram vaga para o ADCC 2022 no último sábado. Na categoria até 60kg, a casca-grossa Mayssa Bastos (Unity Jiu-Jitsu) venceu Julia Alves (GFTeam), enquanto na divisão acima de 60kg, Giovanna Jara (Dream Art) derrotou Ingridd Alves (Guigo JJ).

>> FINAIS DA SELETIVA BRASILEIRA DO ADCC (qualificatória de São Paulo):

>> Masculinas

Até 66kg: Fabricio Andrey derrotou Kauã Gabriel
Até 77kg: Roberto Jimenez derrotou Fabio Caloi
Até 88kg: Alexandre Jesus “Robinho” derrotou Rafael Paganini
Até 99kg: Henrique Ceconi derrotou Luccas Lira
Acima de 99kg: Gutemberg Pereira derrotou Leonardo Lemos

>> Femininas

Até 60kg: Mayssa Bastos derrotou Julia Alves
Acima de 60kg: Giovanna Jara derrotou Ingridd Alves

Campeões da qualificatória de SP e garantidos no ADCC 2022:

Mayssa Bastos (até 60kg)
Giovanna Jara (acima de 60kg)
Fabricio Andrey (até 66kg)
Roberto Jimenez (até 77kg)
Alexandre Jesus “Robinho” (até 88kg)
Henrique Ceconi (até 99kg)
Gutemberg Perreira (acima de 99kg)

Garantidos no ADCC 2022 após as qualificatórias de São Paulo e Balneário Camboriú:

Daiana Torquato e Mayssa Bastos (até 60kg)
Rebecca de Albuquerque e Giovanna Jara (acima de 60kg)
Diogo Reis e Fabricio Andrey (até 66kg)
Mica Galvão e Roberto Jimenez (até 77kg)
Isaque Bahiense e Alexandre Jesus (até 88kg)
João Costa e Henrique Ceconi (até 99kg)
Roosevelt Sousa e Gutemberg Pereira (acima de 99kg)

Para conferir mais notícias sobre ADCC 2022, clique aqui
Publicidade
Publicidade