Publicidade

Resumo: Cyborg tem defesa de título confirmada pelo Bellator; Chandler encara Ferguson no UFC 274

Bellator anuncia que próxima defesa de cinturão de Cris Cyborg acontecerá em abril; UFC 274, em maio, terá Michael Chandler x Tony Ferguson

Atual campeã peso-pena do Bellator, Cris Cyborg já tem data, local e adversária para fazer sua próxima defesa de cinturão. A brasileira foi escalada para fazer a luta principal do Bellator 279, que vai acontecer no dia 23 de abril, em Honolulu, no Havaí (EUA). Sua adversária será Arlene Blencowe, a quem Cyborg já enfrentou em outubro de 2020, saindo vencedora por finalização (mata-leão) no segundo round.

Atualmente com 36 anos de idade, Cris Cyborg possui um cartel de 25 vitórias, sendo 20 delas por finalização, e apenas duas derrotas no MMA profissional. A curitibana faz parte do plantel de atletas do Bellator desde 2020 e já contabiliza quatro triunfos na organização norte-americana, o último deles em novembro do ano passado, quando superou Sinead Kavanagh por nocaute ainda no primeiro round, em confronto válido pelo main event do Bellator 271.

Dois anos mais velha em relação a Cris Cyborg, Arlene Blencowe contabiliza 15 triunfos, oito deles por nocaute, e oito reveses ao longo da sua carreira no MMA. A australiana luta pelo Bellator desde o ano de 2017 e, após a derrota sofrida para Cyborg, em 2020, a lutadora emplacou duas vitórias, sobre Dayana Silva e Pam Sorenson, respectivamente.

Michael Chandler enfrenta Tony Ferguson no UFC 274

Enquanto o Bellator programa duelos para os próximos meses, o UFC segue o mesmo caminho. De acordo com a “Sports Illustrated”, o UFC 274, marcado para acontecer no dia 7 de maio, no Arizona (EUA), terá o confronto entre Michael Chandler e Tony Ferguson, válido pela categoria peso-leve.

Quinto colocado no ranking da divisão, Michael Chandler (22-7) tem 35 anos e vem de duas derrotas seguidas no UFC, para Charles do Bronx e Justin Gaethje, respectivamente. Três anos mais velho, Tony Ferguson (25-6) é o número sete no ranking peso-leve do UFC e também vem em fase delicada na organização, onde amarga três reveses consecutivos, para Justin Gaethje, Charles do Bronx e Beneil Dariush, o que torna o confronto entre os dois lutadores ainda mais importante e atrativo.

Para conferir mais notícias sobre Cris Cyborg e MMA, clique aqui
Publicidade
Publicidade