Publicidade

Bahiense, Mica e mais: confira os campeões da seletiva brasileira do ADCC 2022

Neste sábado (5) aconteceu a primeira seletiva brasileira para o ADCC 2022, que será disputado em Las Vegas (EUA), nos dias 17 e 18 de setembro

O sábado foi especial para os amantes de luta agarrada. Aconteceu a primeira seletiva brasileira para o ADCC 2022. O prêmio para os campeões foram as passagens e hospedagem para o campeonato de grappling, que será disputado em Las Vegas (EUA), nos dias 17 e 18 de setembro. Nomes importantes entraram em ação na cidade de Balneário Camboriú (SC). Destaque para o campeão mundial Isaque Bahiense e o fenômeno Mica Galvão que venceram suas divisões e estão classificados. Confira abaixo o resumo das finais!

Diogo Reis vence Diego Pato

Em uma das lutas mais eletrizantes, Diogo Reis e Diego Pato travaram uma “guerra”. A disputa acabou indo para o tempo extra. Nela, o lutador da Fight Sports conseguiu pegar as costas de Pato e foi determinante para sacramentar o triunfo via decisão dos árbitros. Diogo confirmou a vaga no ADCC ao vencer a divisão até 66kg.

Mica Galvão finaliza Magid Hade

Após finalizar todas as lutas no torneio, Mica Galvão não deixou por menos na decisão da divisão até 77kg. O lutador da Fight Sports enfrentou a surpresa Magid Hade e conseguiu encaixar um triângulo para derrotar o oponente. Assim, o fenômeno do Jiu-Jitsu está confirmado em Las Vegas para seu primeiro ADCC.


Isaque Bahiense supera Cláudio Calasans

Em um confronto animado, Isaque Bahiense e Cláudio Calasans, que já foi campeão do ADCC, mostraram um ímpeto ofensivo. O atleta da Dream Art buscou se movimentar e foi estratégico. Calasans acabou sendo punido duas vezes e, ao fim do tempo de combate, a vitória e a vaga ficaram com o carioca na categoria até 88kg.

João Costa bate Henrique Ceconi

O confronto valendo a categoria até 99kg foi marcado pelo equilíbrio. Henrique Ceconi e João Costa não deram qualquer espaço para o adversário impor ou tentar, pelo menos, alguma pontuação. Após o tempo regulamentar, o duelo foi para a prorrogação. A batalha seguiu intensa, com os lutadores alternando na tentativa de pressionar. No fim, após nenhum ponto de ambos os lados, João Costa ficou com o título e a vaga.

Roosevelt Souza finaliza Pedro Alex

Com grande atuação durante o todo dia, Roosevelt Souza confirmou o bom momento na decisão acima de 99kg. O lutador aproveitou a oportunidade que teve e finalizou Pedro Alex para ficar com a vaga no ADCC 2022.

As categorias femininas não tiveram vagas no ADCC 2022 em Las Vegas (EUA), nesta primeira qualificatória em Balneário Camboriú. No próximo fim de semana, sábado (12), em São Paulo, acontece a segunda e última seletiva em solo brasileiro. Serão mais cinco vagas masculinas e – desta vez – duas femininas. Saiba, aqui.

>> FINAIS DA SELETIVA BRASILEIRA DO ADCC:

>> Masculinas

Até 66kg: Diogo Reis derrotou Diego Pato por decisão dos árbitros
Até 77kg: Mica Galvão finalizou Magid Hade com um triângulo
Até 88kg: Isaque Bahiense derrotou Claudio Calasans que sofreu duas punições
Até 99kg: João Costa derrota Henrique Ceconi por decisão dos árbitros
Acima de 99kg: Roosevelt Souza finalizou Pedro Alex com uma chave de panturrilha

>> Femininas

Até 66kg: Diana Torquato derrotou Jinana Sais por 3 a 0 nos pontos
Acima de 66kg: Rebecca de Albuquerque finalizou Larissa Severo com um mata-leão

Para conferir mais notícias sobre ADCC, clique aqui
Publicidade
Publicidade