Publicidade

Kayla Harrison demonstra revolta e desafia Cris Cyborg para luta em sua academia; veja os detalhes

Bicampeã olímpica e bicampeã peso-leve da PFL, Kayla Harrison demonstra irritação e desafia Cris Cyborg para luta em sua academia

O MMA vem presenciando, ao longo dos últimos meses, uma nova rivalidade. Kayla Harrison, bicampeã olímpica no Judô e atual bicampeã do torneio peso-leve da PFL (Professional Fighters League), vem trocando provocações com Cris Cyborg, atual campeã peso-pena do Bellator. No entanto, a rivalidade alcançou um novo nível nos últimos dias, quando a americana desafiou a brasileira para um duelo em sua academia, a American Top Team.

“Ei, (Cris) Cyborg, me marque se você tem algo a dizer. Estou muito cansada dessa m****. O endereço da ‘American Top Team’ é 5750 SR 7, Coconut Creek, na Flórida. Estou lá seis dias por semana”, escreveu Kayla Harrison em sua conta oficial no Twitter.

Atualmente com 31 anos, Kayla Harrison está invicta no MMA profissional, com 12 vitórias, sendo cinco delas por nocaute, outras cinco por finalização, além de duas por decisão dos árbitros. A americana, vale ressaltar, está em negociação para definir seu próximo passo no MMA, tendo em vista que não há garantia que a lutadora vai permanecer na PFL. O Bellator, por meio do presidente Scott Coker, já manifestou interesse em negociar com Kayla, o que aumentaria a possibilidade de um possível duelo entre ela e Cris Cyborg acontecer.

Campeã peso-pena do Bellator e com os títulos do UFC, Invicta FC e Strikeforce em seu currículo, Cris Cyborg tem 36 anos e um extenso cartel de 25 triunfos, sendo 20 deles por nocaute, e apenas duas derrotas. A brasileira está invicta lutando pelo Bellator e já fez quatro lutas pela organização norte-americana, a última delas em novembro do ano passado, quando derrotou Sinead Kavanagh por nocaute no primeiro round.

Para conferir mais notícias sobre Kayla Harrison e Cris Cyborg, clique aqui
Publicidade
Publicidade