Publicidade

Presidente do Bellator diz que despedida de Fedor do MMA não será mais em Moscou: ‘Razões óbvias’

Presidente do Bellator, Scott Coker descarta promover despedida de Fedor Emelianenko com evento em Moscou, na Rússia; confira

Lenda do MMA e considerado um dos melhores lutadores da história, Fedor Emelianenko vive a expectativa de fazer sua luta de despedida atuando pelo Bellator, no entanto, já sabe que o duelo não será realizado mais em Moscou, como estava acertado anteriormente. Em conversa com os jornalistas após o Bellator 276, no último sábado (12), Scott Coker, presidente da organização, revelou que o motivo são os conflitos envolvendo Rússia e Ucrânia.

“Definitivamente, isso não vai acontecer em Moscou este ano. Nós não vamos fazer a luta de despedida do Fedor lá por razões óbvias. Vamos procurar uma outra opção em algum momento, mas vamos sentar com Fedor quando ele vier aqui e vamos ver o que acontece”, explicou Scott Coker.

O presidente do Bellator lamentou o fato e revelou que tinha planos de promover um grande evento para a última luta de Fedor Emelianenko no MMA, com um card que seria realizado na Praça Vermelha, um dos pontos turísticos mais conhecidos da cidade de Moscou.

“Nós tínhamos um show incrível planejado para Moscou. Não me importo em falar isso, mas originalmente a gente tinha aprovação para fazer a luta na Praça Vermelha. Seria uma grande despedida para o maior de todos os tempos, na minha opinião. Agora, temos que nos movimentar e criar alguma coisa grande, encontrar outro local e um lugar incrível, porque ele merece ter uma ótima despedida. E nós vamos fazer isso, só não sei onde ainda”, concluiu.

Lutando pelo Bellator desde 2017, Fedor Emelianenko possui um cartel de 40 vitórias e seis derrotas no MMA. Lutando profissionalmente desde o ano de 200, a lenda russa fez história lutando no PRIDE, onde enfrentou nomes como Mark Coleman, Kevin Randleman, Rodrigo Minotauro, Mirko Cro Cop, Mark Hunt, entre outros. A luta mais recente do “Último Imperador” aconteceu em outubro do ano passado, quando Fedor derrotou Tim Johnson por nocaute ainda no primeiro round, na luta principal do Bellator 269.

Para conferir mais notícias sobre o Bellator, clique aqui
Publicidade
Publicidade